Rk Motors
0
0
0
RK Motors - Tudo para seu carro, moto ou caminhão. O seu guia automotivo!
RK Motors - Tudo para seu carro, moto ou caminhão. O seu guia automotivo!
Esses profissionais podem ser considerados “heróis das estradas”, pois passam dias percorrendo longas distâncias e enfrentando diversos desafios.

12 dicas para caminhoneiros: como ficar mais seguro na estrada

Publicado em 27/08/2021, por RK Motors

Esses profissionais podem ser considerados “heróis das estradas”, pois passam dias percorrendo longas distâncias e enfrentando diversos desafios.

 

motorista de caminhão caminhoneiro - rk motors

 

Muito comum entre os brasileiros, a profissão caminhoneiro é uma forma de trabalho que exige muita atenção e segurança do profissional nas longas viagens, uma vez que a malha brasileira é bastante extensa.

 

Esses profissionais podem ser considerados “heróis das estradas”, pois passam dias percorrendo longas distâncias e enfrentando diversos desafios, que incluem ainda a malha rodoviária do País, ruim em sua maior parte.

 

Logo, com essa rotina desafiadora, é importante que os caminhoneiros realizem algumas ações que minimizem os riscos a que estão sujeitos.

 

E para ajudar, separamos 12 dicas especiais de prevenção e mitigação dos riscos na estrada. Confira!

 

1. Realizar a manutenção preventiva no caminhão

 

A checagem dos caminhões antes de pegar a estrada é procedimento comum entre os caminhoneiros. Muitos olham  o nível do líquido de arrefecimento, a pressão de calibragem dos pneus e o estado da banda de rodagem. Mas, mesmo assim se faz necessário conferir além desses itens, e ter uma rotina de manutenção preventiva.

 

Com essa manutenção em dia é possível verificar avarias, antecipar troca de peças que já estão em seu último grau de vida útil.

 

Essa medida pode trazer vários benefícios, como diminuir as chances de ficar na estrada e acidentes. Também é possível ter uma maior economia com a redução de problemas inesperados, que podem custar o dobro em alguns lugares.

 

2. Não dirija com sono ou cansado

 

Outra dica fundamental é não ser negligente com a sua limitação física. Sabe-se que há viagens que exigem mais tempo de locomoção, mas é importante respeitar os limites para aumentar a segurança.

 

Pela legislação vigente o caminhoneiro não deve dirigir mais que 5 horas e 30 minutos sem intervalo. Assim, é essencial fazer uma parada de 30 minutos a cada período igual ou inferior ao recomendado. Obedecer a esses limites melhora as condições de trabalho e a saúde, e também evita o estresse físico e mental ao percorrer longas distâncias sem paradas, comprometendo a sua vida e a de terceiros.

 

3. Sempre planeje a sua viagem

 

O planejamento da viagem é uma das etapas mais importantes para mais segurança. Com ele você pode programar paradas, ter uma estimativa da rota a ser percorrida, definir o melhor trajeto e ainda saber quais os locais mais seguros para o descanso.

 

Um bom profissional é aquele que se prepara para fazer o seu trabalho, evitando impasses provocados por uma má programação de percurso.

 

Uma boa dica é usar aplicativos para caminhoneiros, que auxiliam os profissionais a enfrentar desafios no cotidiano. Essa ferramenta também facilita a comunicação com as empresas, proporciona acesso às informações, como planejamento da rota e trajetos alternativos, trazendo mais segurança e tranquilidade para o condutor.

 

4. Mantenha uma distância segura dos veículos

 

Buscar sempre manter uma distância entre o seu e o veículo à frente é outra dica fundamental. Pois alguns imprevistos exigem a redução brusca da velocidade do caminhão, e se os dois veículos estiverem em uma distância relativamente curta, pode ocasionar uma colisão.

 

Neste caso, também deve-se considerar a distância necessária para que os freios parem o veículo (distância de frenagem). Para calculá-la existem várias formas. Uma é observar a regra dos dois segundos, a qual consiste em identificar um referencial (placa, árvore, poste etc.) e, quando o automóvel da frente passar por essa marcação, contar quantos segundos que levam para o seu veículo passar pelo mesmo referencial. Aqui, se a contagem for de exatamente 2 segundos, a distância estará correta.

 

5. Atente aos sinais de comunicação

 

Estar atento e ser obediente às sinalizações e legislações de trânsito evitam além de multas, o risco de acidentes.

 

Portanto, prestar atenção às leis de trânsito, bem como ter bom senso nas vias quando não houver sinalização, é a melhor forma de exercer a direção defensiva.

 

Cabe destacar ainda, que é importante utilizar os instrumentos de sinalização do veículo para mostrar as suas intenções. As setas, o farol alto e o pisca alerta são alguns deles.

 

6. Obedeça a legislação

 

Obedecer à legislação de trânsito também vai além de impedir multas e pontos na carteira, também se trata de um importante quesito para a segurança do caminhoneiro e de terceiros.

 

Logo, é fundamental respeitar os limites de velocidade, ter cautela na direção, que nada mais são do que obrigações de todo motorista.

 

7. Respeite o tempo de descanso

 

Respeitar o tempo de descanso, especialmente em um longo caminho. É  importante seguir o constituído pela Lei do Caminhoneiro (Lei 13.103/2015), que determina o tempo máximo permitido para dirigir sem intervalos.

 

Além disso, a legislação ainda preconiza que em um período de 6h na direção é necessário que o motorista faça um intervalo de 30min, sendo que no prazo de 24h é necessário 11h de descanso.

 

Obedecer e respeitar o próprio corpo ajuda a saúde e melhora a jornada.

 

8. Não pare em locais com sinalização ruim

 

Em uma parada rápida ou por outro motivo, o ideal é não estacionar em lugares com sinalização ruim, como por exemplo pista estreitas, curvas, áreas desertas. Além do risco de acidentes, podem ocorrer assaltos ou roubos.

 

Nestes casos, o ideal é encontrar um lugar seguro e maior para que o motorista e veículo possam ser vistos. Isso minimiza o risco de acidentes quando outros condutores passarem pelo local.

 

9. Evite distrações

 

Dirigir é um ato que exige atenção! Com o caminhão isso é reforçado! Por mais que seja tentador fazer uso do celular, seja uma olhada rápida em notificações, uma ligação ou uma troca de mensagens, é importante evitar esse tipo de descuido.

 

Além de ser ilegal, é uma enorme distração e muito propícia para causar acidentes.

 

Uma dica para passar o tempo? Ouvir rádio com volume moderado, sem causar desatenção na estrada.

 

10. Alimente-se bem

 

Comer alimentos saudáveis, não encher muito o prato são dicas para evitar a sonolência. Isso porque a baixa concentração de sangue no cérebro e aumento da atividade no estômago, diminuem a atenção na direção.

 

Outra dica é tomar mais de dois litros de água por dia para evitar a desidratação e garantir a segurança dos motoristas nas rodovias, uma vez que em casos extremos, a falta de líquido pode causar tontura e até desmaio.

 

11. Atenção aos limites de velocidade

 

A velocidade máxima permitida em cada rodovia ou trecho é calculada para suportar a dinâmica e o fluxo dos veículos, levando em consideração a dirigibilidade.

 

Portanto, esses limites são feitos com a finalidade de que todos os motoristas os respeitem, a fim de evitar riscos de acidente. Assim, é importante estar atento e respeitar até o limite de velocidade marcado no painel, proporcionando a segurança de todos os envolvidos durante o trajeto.

 

12. Observe as condições de uso do veículo

 

Além da checagem básica que os motoristas fazem para pegar estrada, é preciso dar mais atenção para esse hábito a seguir, indo além da simples troca de óleo.

 

Ter uma rotina de manutenção no veículo como um todo, pode representar economia e garantir mais segurança.

 

Por isso, antes de “cair” na estrada, verifique as condições do caminhão, considere avarias, peças gastas e outros itens que possam comprometer o veículo e por sua vida em risco.

 

O que é preciso fazer para garantir estar bem-disposto e atento para dirigir?

 

Ter disposição e atenção ao dirigir nas estradas não é nenhuma tarefa de outro mundo. Hábitos simples como estar bem descansado, não restringir o sono a apenas um cochilo, respeitar os sinais de cansaço do organismo e até ter momento relaxantes e de alongamento durante o dia, vão fazer a viagem mais prazerosa e segura.

 

O ideal é sempre lembrar que tem alguém te esperando em casa e que esse alguém te quer de volta, são e salvo!

 

Vídeo





LEIA MAIS: